domingo, 23 de junho de 2013

Michel Petrucciani

Impressionante a música e a história de Michel Petrucciani, depois de assistir ao filme sobre sua vida a gente passa até a refletir mais. Uma grande lição de quem fez o que queria e mostrou que realmente basta querer fazer e não ser vítima da própria vida. Fica o som e a lição desse figuraça!



Michel Petrucciani, desde o seu nascimento, deficiente físico, em decorrência de uma forma severa de osteogênese imperfeita - a "doença dos ossos de vidro" ou "ossos de cristal". Além da fragilidade dos ossos, a doença também afetou seu crescimento. Sua estatura era de menos de um metro, e seus ossos podiam se quebrar até mesmo pelo esforço de tocar piano. Como não podia frequentar a escola, tinha aulas em casa, com professores particulares. Mais tarde fez cursos por correspondência. Seu pai fabricou para ele um dispositivo para elevar os pedais do piano e assim, desde os quatro anos, Michel estudou piano e bateria, dedicando-se inicialmente à música clássica e depois, ao jazz. Seus dois irmãos também são músicos: Louis é contrabaixista, e Philippe é guitarrista.

 


Michel exibiu-se em público pela primeira vez aos 13 anos, acompanhando o trompetista americano Clark Terry. Aos 15 anos, começou sua carreira profissional, tocando com o baterista e vibrafonista Kenny Clarke, com quem gravou seu primeiro álbum, em Paris. Depois de um tour pela França, com o saxofonista Lee Konitz, em 1981, transferiu-se para Big Sur, na Califórnia, onde foi descoberto pelo saxofonista Charles Lloyd, que o fez membro do seu quarteto durante três anos. Seu extraordinário talento musical e suas qualidades humanas lhe permitiram trabalhar com músicos do calibre de Dizzy Gillespie, Jim Hall, Wayne Shorter, Palle Daniellson, Eliot Zigmund, Eddie Gómez e Steve Gadd.


Entre os numerosos prêmios que recebeu ao longo de sua breve carreira, destacam-se o Django Reinhardt Award. Foi também indicado como "melhor músico de jazz europeu", pelo Ministério da Cultura da Itália. Michel teve quatro companheiras oficiais:
- Erlinda Montaño, uma americana descendente de índios navajos, que o introduziu no meio musical dos Estados Unidos (divórcio por volta de 1988).
- Eugenia Morrison
- Marie-Laure Roperch, uma canadense com quem viveu a partir de 1990, e com quem teve um filho, Alexandre, atingido pela mesma doença do pai2 . Ele também tinha um filho adotivo, Rachid Roperch.3 4 5
- Gilda Buttà, uma pianista italiana, de quem se divorciou três meses depois do casamento
- Isabelle Mailé, que o acompanhou nos seus últimos dias de vida, até sua morte, em decorrência de graves complicações pulmonares, no hospital Beth Israel, em Nova York.

Em 2011, o inglês Michael Radford dedicou-lhe o documentário Michel Petrucciani - Body & Soul.





* * * * *






Track listing

"Old Wine, New Bottles" (Lenny White) – 6:54

"Dania" (Jaco Pastorious)– 7:38

"Michel's Waltz" (Michel Petrucciani) – 4:40

"Stella by Starlight" (Ned Washington / Victor Young) – 8:45

"Goodbye Pork Pie Hat" (Charles Mingus) - 9:28

"Virgo Rising" (Wayne Shorter) - 5:41

"Nefertiti" (Wayne Shorter) - 8:54

"Summertime" (George Gershwin / Ira Gershwin / DuBose Heyward) - 8:54



Personnel

Wayne Shorter - Tenor and Soprano Saxophone

Michel Petrucciani - Piano

Stanley Clarke - Acoustic and Electric Bass

Lenny White - Drums

Gil Goldstein - Keyboards

Pete Levin - Keyboards



Best of Michel Petrucciani Disk 1 - Disk 2



4 comentários:

  1. Excepcional.....
    grande instrumentista....

    Para quem quiser mais ou ver tb outras lendas do jazz,
    um torrent ativo de um GRANDE momento, eternizado em vídeo :

    http://thepiratebay.sx/torrent/7756330/One_Night_With_Blue_Note_[1985]

    Abraços....

    Rafael Pereira - SP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Rafael! GRANDE momento mesmo!!!
      Assistam, vale a pena.
      Abraços

      Excluir
    2. Zé, anima aí e coloca mais uns sonzaços!!!!

      Excluir
  2. Aí, Zé... Inspirou. Valeu, meu velho e é muito bom ter vc de volta! Abrs

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...