sexta-feira, 4 de outubro de 2013

A Cor do Som


A Cor do Som é um grupo brasileiro que se criou a partir do séquito dos músicos que acompanhavam Moraes Moreira após a sua saída dos Novos Baianos. Originalmente esse era o nome da banda instrumental que acompanhava os Novos Baianos, título sugerido por Caetano Veloso.
A banda surgiu em meados de 1977, formada por músicos experientes no cenário nacional. Experimentando novos padrões de som, valeu-se das vivências anteriores com Moraes Moreira, Pepeu Gomes, entre outros, sendo considerado um movimento pós-tropicalista. Em seu primeiro disco homônimo (WEA 1977), tinha como integrantes Dadi Carvalho (ex-Novos baianos e Jorge Ben) no baixo, seu irmão Mú Carvalho (ex-A Banda do Zé Pretinho) nos teclados, Gustavo Schroeter (ex-A Bolha) na bateria e Armandinho Macêdo (Trio Elétrico Armandinho, Dodô & Osmar) na guitarra, bandolim e guitarra baiana. A partir do segundo disco "Ao Vivo Em Montreux", o percussionista (e colega de Armandinho na sua outra banda) Ary Dias passa a fazer parte do grupo.



Misturando rock, ritmos regionais e música clássica, foram convidados por Claude Nobs a participar do Montreux Jazz Festival, na Suíça, tornando-se o primeiro grupo musical brasileiro a participar do evento. A apresentação contou com material quase todo inédito e rendeu um disco ao vivo. A partir do terceiro trabalho, "Frutificar", passam a executar músicas cantadas a pedido da gravadora, o que os eleva a novos níveis de popularidade.
A parte instrumental desta banda é maravilhosa e muito competente. Não gostei muito das músicas cantadas, quando saiu o álbum, Mas tocava em todas as rádios FMs da época. Sonzeira instrumental de primeira de uma banda que é lembrada pelos sucessos de rádio. 

Palhinha.. Ouçam, tem horas que parece um Prog...


Seguem uns álbuns...



Faixas:
1-Dança Saci (Mu)
2-Chegando da Terra (Armandinho)
3-Arpoador (Dadi/Mu/Gustavo/Armandinho)
4-Cochabanba (Moraes Moreira/Aroldo Macedo)
5-Brejeiro(Ernesto Nazareth)
6-Espírito Infantil (Mu)
7-Festa na Rua (Dadi/Gustavo/Armandinho/Mu)
8-Eleonor Rigby (Lennon/McCartney)

Este é o 2º disco do grupo A Cor do Som, lançado em 1978. A banda, baseada no Rio de Janeiro, foi o primeiro grupo brasileiro a tocar no festival de jazz de Montreux, na Suíça, a convite do seu idelizador, Claude Nobs, que os conheceu numa festa promovida pela gravadora Warner. Com um virtuosismo exacerbado, o grupo apresentou material quase todo inédito. Uma característica que destaca este disco do anterior é o maior uso de instrumentos elétricos e sintetizadores, como na versão de "Espírito Infantil". A formação do grupo é: Armandinho, guitarra; Dadi, baixo; Mu Carvalho Teclados e Sintetizadores; Gustavo Schroeter, bateria. Neste show a banda contou também com companheiros de Armandinho no Trio Elétrico Armandinho, Dodô & Osmar, os percussionistas André Maceda e Ary Dias (este último tornando-se membro oficial), e o guitarrista Aroldo Macedo (irmão de Armandinho). Aroldo realizou algumas apresentações com o grupo na época, mas não chegou a fixar-se como membro efetivo. Uma das peças apresentadas no repertório, "Cochabamba", é de sua autoria, em parceria com Moraes Moreira.
Apesar da qualidade musical estupenda e da grande criatividade da banda, o disco, assim como seu antecessor, teve vendas baixíssimas, levando a gravadora WEA a pressionar os integrantes do grupo para que passassem a apresentar, além das peças instrumentais habituais, números cantados. Esta fórmula foi adotada, com alguma relutância, no álbum seguinte, "Frutificar", e revelou-se extraordinariamente bem-sucedida, fazendo o conjunto alcançar grande sucesso comercial no final da década de 1970 e nos anos 1980. Ainda sim, Ao Vivo Em Montreux é considerado por muitos críticos um dos discos pós-tropicalistas mais importantes do Brasil e da banda.Para mim o melhor álbum!!!!



Terceito álbum da banda, onde passam a executar músicas cantadas (a pedido da gravadora). Contudo, este álbum ainda contém elementos instrumentais muito bons, que ficariam menos evidentes nos próximos álbuns...

Faixas:
1 Frutificar (Mu)
2 Abri a porta (Dominguinhos, Gilberto Gil)
3 Ticaricuriquetô (Armandinho)
4 Beleza pura (Caetano Veloso)
5 Pororocas (Luiz Brasil, Armandinho)
6 Swingue menina (Mu, Moraes Moreira)
7 Assanhado (Jacob do Bandolim)
8 Itacimirim (Armandinho)
9 Viver pra sorrir (Mu, Armandinho)
10 Frutificar (Mu)








22 comentários:

  1. Só conhecia A Cor do Som pelos últimos álbuns. Não sabia desta fase instrumental. Gostei. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Anonimo. Eu também conheci a pouco tempo a qualidade musical de A Cor do Som... Os caras simplesmente detonam,

      Excluir
  2. Uma grande banda, com músicos de primeiríssima linha, coisa que não mais existe.......

    A música "Frutificar" é uma sinfonia moderna inigualável.........

    Vocês acabam de ativar uma parte da minha memória, que há muito a tempo estava esquecida.......

    O projeto que vocês estão desenvolvendo aqui no VALVULADO, é inestimável, é um projeto cultural de proporções que nem vocês mesmo tem noção....... PARABÉNS!!!!!!!!!!

    Espero sinceramente que ele seja compreendido por todos que aqui frequentam e possam dar o real valor que ele merece.......

    Um forte abraço à Tropa de Elite do VALVULADO,

    Gustavo

    ResponderExcluir
  3. Mais um excelente post. Obrigado. Uma observação: você(s) diagramam muito bem. vou enviar uns estagiários de minha agência para trabalhar com vocês.
    Bruno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Bruno. Aprendemos tudo com o Valvulado, Dead, Aponcho e fuçando na internet. Mas obrigado pelo elogio...

      Excluir
  4. Que post mais chifrin... A cor do som, fala sério! Vai postar axé também? Tá sem idéias, vali ler o estadão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehe... Sorry por não ter gostado. Creio que Axé não, mas já postamos Cumbia, e deu uma falação tb. Cara, se a música é boa e gostamos, vai estar postado. Mas, 'as vezes precisamos de idéias e inspiração... Vc tem alguma que possa nos ajudar?
      Obrigado pelo contato

      Excluir
    2. A Cor do Som é um grupo brasileiro que se criou a partir do séquito dos músicos que acompanhavam Moraes Moreira após a sua saída dos Novos Baianos. Originalmente esse era o nome da banda instrumental que acompanhava os Novos Baianos, título sugerido por Caetano Veloso.
      A banda surgiu em meados de 1977, formada por músicos experientes no cenário nacional.
      Em seu primeiro disco homônimo (WEA 1977), tinha como integrantes Dadi Carvalho (ex-Novos baianos e Jorge Ben) no baixo, seu irmão Mú Carvalho (ex-A Banda do Zé Pretinho) nos teclados, Gustavo Schroeter (ex-A Bolha) na bateria e Armandinho Macêdo (Trio Elétrico Armandinho, Dodô & Osmar) na guitarra, bandolim e guitarra baiana. A partir do segundo disco "Ao Vivo Em Montreux", o percussionista (e colega de Armandinho na sua outra banda) Ary Dias passa a fazer parte do grupo.

      Existe sim uma versão de Chico com Ney em que diz: ...qdo nasci veio um anjo safado um chato de um querubim......não querem ouvir minhas mazelas e a minha voz chinfrim......criei barriga minha mula empacou mas vou até o fim....; ISso só pra mostrar que um dos maiores compositores do país sempre se achou um péssimo cantor e achava sua voz chinfrim, mas com o Ney ele eternizou essa música, e sempre repetindo mas vou até o fim apesar de tudo. E apesar de anônimos indecentes como vc vou até o fim, e tenho certeza que ng aqui vai parar por causa do seu comentário sem base nenhuma em nada, completamente ignorante musical como muitos que aqui vem prq não tem o que fazer a não ser achar defeito no que os outros fzem. Só na Wiki que qqr um e até vc anônimo poderia ler dá uma referência da qualidade dos músicos da Cor do SOm e do porq deles fazerem parte da MPB. Vcs anônimos não aprendem a ler e estudar antes de criticar? Ah isso não é comentário, isso é trolagem como sempre, mas não me canso de mostrar e identificar a burrice e ignorãncia musical de vcs.
      Adeus, não volte por favor, além do que sou amigo dos 4 da Cor, e não gosto que falem mal de quem faz, mostre uma postagem sua em seu blog pra compararmos senão resuma-se a sua insignificãncia.
      Chinfrim é o ...............
      Enjoy!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Excluir
    3. AH!!!!!!!!!!! e tb me considero amigo dos daqui da casa valvulada que podem até discordar de meus modos ou métodos, mas tb odeio qdo eles se esforçam pra fazer um post e vem um anônimo raça do ca.....como diz mano brown, e bota defeito. Repito, fazer algo não é pra qqr um, criticar sim e cada crítica imbecil enquanto puder e deixarem eu revido sem a educação e gentileza deles, prq acho de uma grosseria tal, invadir a casa dos outros, não assinar e mijar na sala, saindo as vz rindo do ato que cometeu.
      Comigo aqui não, eles são adultos e sabem se defender, mas vcs precisam saber que nunca vão ter paz, nunca, se acham que tiram a nossa.

      Excluir
  5. Valeu pelo post!O Armandinho Macedo eh um dos melhores guitarristas ja nascido em terras Brasilis,um mestre das seis cordas q nao deve nada a nenhum grande guitarrista do rock.Tive a grande sorte de assisti-los em 79 ou 80,nao lembro.E uma vez tambem o assisti no carnaval de Ilheus no comeco dos 80's,sensacional ao vivo em cima do trio,isso nos tempos em q a musica carnavalesca da BA tinha muita qualidade musical e teor cultural,o q infelizmente comecaria a se perder um par de anos depois com a "invencao" da axe music e posterior deterioracao do carnaval baiano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey, Old School... Valeu pelos comments técnicos... Vi um show da Cor do Som tb e adorei, embora fosse bicho grilo na época... abs cara, gosto muito de te ver por aqui.

      Excluir
  6. Fala Gustavo, quanto tempo... E vc como sempre, comparecendo e motivando. Obrigado. Vcs do Buteco são nossa (minha inspiração). Um dia este trabalho em blogs será melhor reconhecido... abs

    ResponderExcluir
  7. Amigos Valvulados, mentores e criadores deste sensacional blog....

    Não se sintam incomodados com a torrente de comentários despejados aqui....
    Na verdade vocês deveriam estar ORGULHOSOS por tanta agitação mental
    e opiniões antagônicas!!!

    Cada blog tem seu momento de "efervescência", e o Valvulado está passando por este momento.

    Como os "barzinhos da moda", devemos aproveitar esta situação, para PRESERVARMOS
    os "clientes" de valor.....agora....quanto aos clientes que apenas SUGAM e INSULTAM,
    sem contribuir, são idênticos aos "clientes" que apenas consomem e se "esquecem" de
    liquidar seus débitos com o estabelecimento.

    Creio que é chegada a hora de "moderadores" intervirem e deixarem de publicar
    comments que nada acrescentam ou apenas agridem este espaço com palavras
    de baixo calão.

    Então os comentários apenas seriam publicados após aprovação....
    Pois mesmo em uma democracia com liberdade de expressão, existem limites a serem
    observados.

    "Quem me rouba a honra priva-me daquilo que não o enriquece e faz-me verdadeiramente pobre."
    William Shakespeare

    ResponderExcluir
  8. Bom comentário do Shakespeare!
    A honra é a pérola humana e devemos preservar as nossas e a dos outros!
    Hermanos Valvulados, amo a música e ela me protege quando sou atacado pelas violências da vida.
    Muito dessa proteção vem em músicas que conheci aqui.
    Já pedi o velho Blues cantado pelas mulheres e fui atendido.
    Sou formado na diversidade e ela é a nossa construção, nossa "casa grande e senzala" de cada dia.
    Abç, Loló

    ResponderExcluir
  9. Falar palavrão em fórum aberto não tem nada a ver com democracia, mas sim com falta de educação e respeito......Isso sim deve ser evitado!

    Professos Pasquale

    ResponderExcluir
  10. Loló, grande presença. fico muito feliz de vê-lo por aqui e soltando o verbo. Obrigado.

    ResponderExcluir
  11. Fala Dead, William e Anonimos... ainda não chegamos a um consenso de como agir. E vamos ver onde vai dar. Esta discussão causou até uma discussão entre os Valvulados.
    Fórum aberto, é fórum aberto. Alguns de nós ficaram chateados com as deleções, e no fim de tudo, eu também, pois foram puramente emocionais.
    Não queremos agradar a todos, mas queremos que todos se sintam bem aqui.
    A despedida do Carlos Anc foi um episódio triste, pois apesar de sempre mencionar FORA FRIPP, Aponcho e Valvulado postaram grandes álbuns, que tenho certeza que ele está ouvindo...
    O Dead é mais do que benvindo aqui, pois ajudou muito a criar este blog, mas ele é responsável pelo que escreve.
    E assim caminha a humanidade...

    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  12. Como diz o Anc, pensando.... Calma que já vem a resposta...

    ResponderExcluir
  13. Como diz meu amigo Padre... É foda irmão. Como poderia haver uma pacificação? Alguém tem alguma idéia? O Dead vai ficar, o Anc vai voltar um dia... O William é mais do que bem vindo... Macaco, Paulo e Xerxes espero que voltem... Qual a solução?

    ResponderExcluir
  14. Pacificação iniciada... Consenso na forma de ação. Subindo o morro!
    Música para Paz, Música para Integração...
    Anonimos, Xerxes, Paulo, Macaco, Dead, e demais... Sigam-me... Encima do Morro é mais legal e dá para ver o sol se por.
    Abs e sinto muito, mas a pacificação é extremamente necessária.

    ResponderExcluir
  15. Sábia decisão,

    Esta "casa" tem que ser repeitada por todos......

    Abraços a todos os VALVULADOS,

    Gustavo

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...